HOLTER

O que é, quem solicita, qual a finalidade?

Manter a saúde em dia e realizar o acompanhamento periódico através de consultas regulares no médico cardiologista e exames de check-up permite o diagnóstico precoce de doenças e a identificação de fatores de risco.

Por isso hoje vamos falar de um exame muito importante na cardiologia, o Holter.

O que é HOLTER?

Diferentemente de outros exames cardiológicos que são realizados em alguns minutos, o exame Holter consiste em um eletrocardiograma contínuo e portátil por 24 horas.

Utiliza um pequeno aparelho gravador portátil que registra continuamente a atividade elétrica do coração, por meio do registro do eletrocardiograma.

Nele são analisados canais do eletrocardiograma, continuamente sem que a pessoa precise alterar sua rotina.

É um exame não invasivo e de alta eficácia.

Para que serve o exame de HOLTER 24 horas?

O exame de Holter tem a finalidade de identificar distúrbios do ritmo cardíaco nas atividades diárias do paciente.

Quando o exame HOLTER é indicado?

O exame Holter pode ser indicado nas seguintes situações:

Exames de check-up.

Suspeita de arritmias cardíacas.

Exame complementar a outros exames cardiológicos.

Avaliar pacientes com queixas de tontura, palpitação e falta de ar.

Acompanhar pacientes que possuem marcapasso ou o diagnóstico de alguma doença cardíaca.

Quais doenças podem ser diagnosticas com o HOLTER?

Por ser um exame que acompanha o paciente durante o dia, ele é capaz de diagnosticar doenças cardíacas como:

– Fibrilação atrial;

– Taquicardia paroxística supraventricular;

– Taquicardia multifocal;

– Bradicardia;

– Isquemia cardíaca.

Médico Conversando

Como é feito o exame de Holter?

O exame Holter é feito de forma não invasiva, seguindo os passos abaixo:

– São colocados 3 ou mais eletrodos no tórax do paciente;

– O receptor é colocado na cintura do paciente ou pode ser levado no bolso;

– O paciente é orientado registrar os horários de suas atividades diárias e quaisquer sintomas;

– Após 24 horas, o paciente deve voltar a clínica para a retirada dos eletrodos e do receptor.

Qual é a periodicidade desse exame?

Há periodicidade do exame pode variar, dependendo do diagnóstico.

Caso o exame tenha sido pedido por check-up ele pode ser realizado anualmente.

Em outros casos, pode ser solicitado mensalmente para ajuste de doses de medicamentos ou para acompanhar pacientes que possuem marca-passo.

O que não pode fazer quando estiver com o Holter?

Durante o exame (24 horas), orienta-se não tomar banho, para não molhar o aparelho, nem desconectá-lo precocemente.

É muito importante ter o maior cuidado com o aparelho, em especial não puxar os cabos, não deixar cair, não molhar ou sujar o gravador para que o resultado seja o mais fiel possível

O preparo para o exame

O preparo é simples, pois recomenda-se tomar banho antes da instalação do aparelho, pois não pode haver contato do mesmo com a água nem pode ser desconectado dos eletrodos pelas próximas 24 horas.

Obs.: Não usar cremes na pele do tórax antes do procedimento.

Algumas dúvidas constantes sobre o exame Holter

Pode trabalhar com o Holter?

Sim. Durante a realização do exame Holter de 24 horas o ideal é que o paciente permaneça realizando suas funções habituais do dia a dia.

Em quanto tempo sai o resultado do exame?

O prazo de entrega do resultado pode variar um pouco, mas é normal em 10 dias úteis. É muito importante confirmar o prazo de entrega no momento do exame.

Quem coloca Holter pode fazer caminhada?

Realizar atividades normais, como por exemplo: assistir TV, dirigir, caminhar, fazer as refeições nos horários habituais, trabalhar, dormir, etc., não esquecendo de anotar no diário o início e término de cada atividade, por mais curta ou leve que seja.

Não confunda MAPA e Holter

Você já entendeu para que serve o MAPA, e a diferença entre o Holter, é que esse exame ajuda no diagnóstico de arritmias e o MAPA serve para acompanhamento da pressão arterial.

O HOLTER mede o ritmo cardíaco durante as 24 horas do dia, usando um aparelho portátil que registra os batimentos através de eletrodos grudados no peito do paciente.

Leia também sobre o MAPA, o que é, quando fazer e qual a finalidade.